quarta-feira, 16 de abril de 2014

Greve da PM: Feira já registra sete homicídios, um PM é uma das vítimas


Mais de sete homicídios e dois autos de resistência (morte em confronto com a polícia) foram confirmados nesta quarta-feira (16), em Feira de Santana, após a deflagração da greve da Polícia Militar na Bahia. Entre as vítimas está o policial militar Tiago Maciel, de 35 anos, que trabalhava como fisioterapeuta no programa de Ecoterapia da corporação.

A vítima estava indo fazer um atendimento, acompanhado de uma policial militar, quando quatro homens, que estavam em um veículo Vectra preto, o reconheceram como policial e deflagraram vários tiros. Tiago Maciel ainda foi socorrido para o hospital Emec, mas já chegou ao local sem vida. 

Fonte:Site Acorda Cidade/reprodução

Greve da PM: Militares de Irecê e Região aderem ao movimento


                                        Sede do 7º BPM  em Irecê - foto:google/reprodução

A greve da Polícia Militar começa a ganhar corpo também no interior do estado. A Polícia Militar de Irecê e Região também aderiu à greve deflagrada na noite desta terça-feira (15) por entidades representativas da corporação, após assembleia geral em Salvador. De acordo com o site Sertão Baiano "os militares de plantão se apresentaram, mas seguem “aquartelados” no 7º Batalhão, que conta com efetivo de 325 homens e mulheres e atende 23 municípios do território. “A situação é, realmente, delicada.

Nós acompanhamos o movimento, mas estamos prontos para atender as demandas da comunidade. Não vamos deixar nossa região órfã”, garantiu o comandante Josehilton Martins dos Santos. Entretanto, enquanto durar a paralisação, a PM não fará policiamento ostensivo nem rondas táticas. De acordo com o comandante do 7º Batalhão, o efetivo está preparado (apenas) para evitar distúrbios sociais, saques e arrastões.

Fonte:BN/reprodução

Greve da PM: "Nossa luta é por uma melhor segurança pública" diz Marco Prisco

Com a greve da Polícia Militar decretada nesta terça-feira (15), o coordenador-geral da Aspra, Marco Prisco, afirmou que a categoria irá permanecer no Wet'n Wild acompanhando o andamento da negociação. "Estamos preparando pautas para levar ao governo. Nosso interesse é terminar isso agora à noite", afirmou Prisco, em entrevista à TV Record.
Segundo Prisco, a proposta apresentada pelo governo não contempla 80% dos pontos de interesse da categoria. Ele disse que os policiais esperam "reverter a situação" e disse que a cidade não ficará sem policiamento a partir de amanhã por conta da greve, e sim porque "a política de segurança pública do governo infelizmente é equivocada". "Nossa luta é por uma melhor segurança pública. A gente não está fazendo uma luta corporativa", garantiu.
Antes da assembleia, Marco Prisco, chegou a se reunir com o governador Jaques Wagner. O comando geral da Polícia Militar também se comprometeu a rever alguns pontos contestados pela categoria, como o Código de Ética e os processos disciplinares de PMs que participaram da greve no ano passado. 
A categoria, que reúne pelo menos 34 mil homens na ativa no estado, reivindica melhoria salarial, mudanças na política remunerativa, plano de carreira, acesso único ao quadro de oficiais, um Código de Ética, aposentadoria com 25 anos de serviço para a Polícia Feminina, aumento do efetivo, bacharelado em Direito para os oficiais, além de elevação de toda a tropa para o nível superior entre 2014 e 2018.
A assembleia desta terça-feira contou com as diversas associações da categoria, como a Associação de Policiais e Bombeiros e de seus Familiares do Estado da Bahia (Aspra), a Associação de Praças da Polícia Militar do Estado da Bahia (APPM-BA) e a Associação dos Oficiais da Polícia Militar da Bahia (Força Invicta).

Veja o link do momento exato em que a categoria aprova a deflagração da greve, conforme está numa rede social.                   


Fonte:CorreiodaBahia e Aspra

Bahia: Greve da PM modifica rotina em Salvador e Feira de Santana

Ufba suspende aulas e atividades em função de greve da polícia
Foto: Ascom/SJCDH
                               Foto:Reitora da IFBA/reprodução
A reitora da Universidade Federal da Bahia, professora Dora Leal Rosa, decidiu nesta quarta-feira (16) pela suspensão das aulas das demais atividades acadêmicas e das atividades administrativas da instituição, nesta quarta e quinta-feira, dias 16 e 17 de abril. 
A UNEB - Universidade do Estado da Bahia, as atividades acadêmicas e administrativas também foram suspensas, como também  nas faculdades particulares desde ontem a noite(15) onde as aulas foram suspensas.
O Sindicato dos Rodoviários farão reunião hoje(16 ) para definir  horário de funcionamentos do transporte coletivo.
Em Feira, postos da PM estão fechados e poucas pessoas saíram de casa. O coronel Adelmário Xavier, comandante da PM em Feira, afirmou ao Jornal da Manhã que espera que as pessoas evitem locais escuros e desertos por conta da diminuição do efetivo nas ruas.


Fonte:BN/Reprodução

Mundo: Navio naufraga na Coreia do Sul com 459 passageiros a bordo

                                                         Passageiros resgatados pela Guarda Costeira-foto:reprodução

Um naufrágio na Coreia do Sul deixou ao menos 2 mortos e 293 desaparecidos nesta quarta-feira (16), segundo informações preliminares do governo local; a embarcação Sewol afundou a cerca de 20 quilômetros da ilha de Byeongpyung com 459 passageiros a bordo, dos quais 325 eram estudantes de bacharelado. Imagem mostra a Guarda Costeira resgatando passageiros. Os trabalhos de resgate continuam no local e mais de 160 pessoas já foram resgatadas; dos 459 passageiros a bordo, 325 eram estudantes de bacharelado que estavam em uma excursão, A causa mais provável do acidente, segundo testemunhos, pode ter sido a colisão do barco com um recife submarino.



Fonte:agência Estado.

Pesquise

Carregando...